em

PRF e vários órgãos realizam reunião no Acre para planejar estratégias preventivas contra o Coronavírus

Na manhã dessa sexta-feira (13), representantes de diversos órgãos da saúde, segurança pública e de inteligência, dentre outros, estiveram na Sede da Superintendência de Polícia Rodoviária Federal (SPRF), em Rio Branco (AC), para reunião. No encontro, foram tratadas as ações de planejamento integrado contra o Coronavírus (COVID-19).

O Superintendente da Polícia Rodoviária Federal no Acre, Insp. Getulio Mario Gomes de Azevedo, recebeu membros de órgãos federais, como Polícia Federal (PF), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), Exército Brasileiro (EB), Agência Brasileira de Inteligência (ABIN); entidades estaduais, Secretaria de Saúde (SESACRE), Vigilância Sanitária, Secretaria de Direitos Humanos e Defesa da Mulher e entidades municipais, dentre outros.

Inicialmente, o Inspetor Getulio realizou uma breve abordagem sobre o Coronavírus, sua origem, gravidade e estatísticas de casos confirmados no Brasil. Em seguida, informou que, apesar de não ter sido registrado nenhum caso da doença no Acre, até o presente momento, o estado faz parte de uma rota de (i)migração internacional que, por meio da BR-317 (do lado nacional), liga o Brasil a dois países da América do Sul, Bolívia e Peru (pela Estrada do Pacífico), onde já foram registrados casos do COVID-19. Os membros dos citados órgãos expuseram suas sugestões. A representante da SESACRE, Tânia Bonfim, realizou uma apresentação técnica sobre o problema, falou sobre identificação, prevenção e as tratativas com os infectados.

Assim, para evitar ou tratar os possíveis casos que venham a ser registrados no Acre, foi definida a uniformização dos protocolos em um único plano de ações que será disseminado aos servidores de cada ente participante. À Secretaria Estadual de Saúde ficou reservada a elaboração de um roteiro de abordagem a ser seguido nas aproximações aos viajantes, oriundos de países com casos críticos da doença, na fronteira. O Exército Brasileiro e a Polícia Rodoviária Federal comprometeram-se em disponibilizar servidores, logística e procedimentos de inteligência para atuarem em ações conjuntas com os agentes de vigilância de saúde, durante as abordagens.

Para a próxima semana, está prevista uma nova reunião de alinhamento das ações e formalização do citado plano de metas, quando serão definidos os detalhes de cunho operacional.

Fotos e Texto: NUCOM

Publicado porEdmilson Ferreira

No dia em que faz 30 anos, Reserva Chico Mendes vira líder do ranking das mais ameaçadas da Amazônia   

Escolas de Rio Branco fortalecem ações de prevenção ao Coronavírus