fbpx

Vice-governadora Mailza Assis participa da reabertura da Casa de Chico Mendes

A Casa de Chico Mendes, em Xapuri, município no interior do Acre, foi reaberta ao público nesta sexta-feira, 10. A governadora em exercício, Mailza Assis, participou da cerimônia realizada a partir da parceria entre o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Prefeitura Municipal e a família do líder seringueiro. Foram investidos R$ 92 mil.

Símbolo da luta ambientalista e um dos patrimônios históricos mais importantes do Acre, a casa de número 487, localizada na rua Batista Moraes, foi entregue revitalizada com a presença de autoridades e familiares.
“Agradecemos à todos que se empenharam para essa reforma, o Ministério da Cultura, Iphan e a Prefeitura. Ato importante e necessário para manter o legado de uma pessoa que lutou, defendeu a floresta, os seringueiros. Todos que passam por aqui levam a história viva do Chico Mendes”, disse Mailza Assis.

As obras na residência foram iniciadas em fevereiro deste ano. A reforma incluiu a troca de barrotes danificados, substituição de peças de madeira da fachada e área interna e troca da estrutura da cobertura, além de lavagem e substituição de telhas danificadas.

A cerca foi refeita, o deck, recuperado; e a casa, por fim, recebeu nova pintura completa. Com o projeto, será realizada a renovação do contrato de locação da casa, firmado entre Iphan, prefeitura de Xapuri e a família Mendes, possibilitando a reabertura e visitação.

O presidente do Iphan, Leandro Grass, disse que é um dia histórico para o Acre, o Brasil e o mundo. “A reabertura dessa casa é a história de uma pessoa que representa uma grande causa da humanidade. Conta a história de um homem, de um povo, de um lugar no mundo, que é a Amazônia. Aqui as pessoas se conectam e sentem a história de um homem que defendeu a humanidade”, destacou.

Tombada pelo Iphan desde 2007, a edificação e seu acervo remetem ao modo de vida do seringueiro na região amazônica. A residência é o local em que viveu e onde foi assassinado Chico Mendes, em 1989. O evento contou com as presenças do presidente do Iphan, Leandro Grass, do prefeito de Xapuri, Bira Vasconcelos, e de familiares de Chico Mendes.

O espaço abriga acervos do líder seringalista, alguns originais, outros restaurados.

A Casa está aberta para visitação diária, das 8h às 17h.

Na ocasião, também foi feita a inauguração do Centro de Atendimento ao Turista (CAT), que fica ao lado da Casa.

O que disseram:
“Emocionante ver a casa reaberta, já que como família, somos cobrados pelo Brasil e pelo mundo, por pessoas que querem conhecer a história, a vida do Chico” – viúva de Chico Mendes, Ilzamar Mendes.

“Um marco para nosso município. Vai além da questão turística e econômica, é o resgate da luta e dos ideias de um herói acreano. Turismo voltado para uma conscientização ambiental, da convivência pacífica dos humanos com a natureza” – prefeito de Xapuri, Bira Vasconcelos.

“A história fala muito dessa casinha feita a mão por nós. Representa uma luta histórica e ambiental que percorre o mundo” – filha de Chico Mendes e presidente do Comitê Chico Mendes, Ângela Mendes.

Neste artigo

plugins premium WordPress