em

Obra  acreana concorre a prêmio de artes visuais do Banco da Amazônia

Também foram escolhidos trabalhos  do estado do Pará: “Cobra Norato” de Alessandro Alberto Gomes Pinheiro e “As cores vivas da Amazônia Naiff”, de Maria Christina Monteiro Barbosa.

 

A obra “Rios invisíveis”, de autoria de Roberta Marisa, do Acre, está entre os  projetos selecionados ao Prêmio Banco da Amazônia de Artes Visuais 2020.

Também foram escolhidos trabalhos  do estado do Pará: “Cobra Norato” de Alessandro Alberto Gomes Pinheiro e “As cores vivas da Amazônia Naiff”, de Maria Christina Monteiro Barbosa.

“Rios Invisíveis” objetiva expor a experiência da artista Roberta Marisa durante uma vivência na comunidade ribeirinha, às margens do Rio Croa, em Cruzeiro do Sul, tendo como fonte de inspiração seu momento de busca e compreensão de suas raízes culturais regionais que refletem sua identidade amazônida.

ResponderResponder a todosEncaminhar

Publicado porEdmilson Ferreira

Populares se juntam e prendem ladrão no bairro Conquista, em Rio Branco

PM apreende duas armas de fogo no bairro São Francisco, em Rio Branco