fbpx

Governo do Acre promove rodadas de negócios para comercializar trutas salmonadas andinas

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict) e do Instituto de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec), promoverá nos dias 18 e 19 de dezembro, rodadas de negócios para comercializar trutas salmonadas produzidas no Lago Titicaca, no Peru.

O evento tem parceria com a Federação da Indústria do Estado do Acre (Fieac) e o grupo peruano Perbra Holding e visa à comercialização do pescado com empresários acreanos ligados ao setor de supermercados, bares e restaurantes que trabalham com a produção de sushis e similares.

A truta salmonada já é consumida pelos acreanos. O detalhe é que vai antes para São Paulo e chega ao Acre como produto chileno. De acordo com Alejandro Salinas, diretor comercial da Perbra, a partir das novas prospecções trabalhadas com apoio do governo do Acre desde a Expoalimentaria, evento realizado setembro, em Lima, a ideia é encurtar caminhos. “Essa truta vai chegar ao Acre em tempo bem menor e com uma excelente qualidade para o consumo”, explica.

Produtores da região da cidade peruana de Puno desembarcam no próximo fim de semana em Rio Branco para contatar empresários.

Aulas-show e degustações serão realizadas na Escola de Gastronomia e Hospitalidade Miriam Assis Felício, na Cidade do Povo. “É uma grata satisfação disponibilizar o espaço dos nossos centros para a realização de eventos desse nível”, diz o presidente do Ieptec, Alírio Wanderley.

O titular da Seict, Assurbanipal Mesquita, lembra que o evento é a continuidade da agenda de comércio exterior que vem sendo desenvolvida com aval do governador Gladson Cameli, buscando o fortalecimento do corredor interoceânico e da balança comercial, já que os produtores das regiões norte e sul do Lago Titicaca são importadores de proteína animal da indústria acreana: “Estamos convidando quem trabalha com esse alimento para participar das aulas-show e fazer a prospecção de negócios”.

Encontro técnico

Na tarde do dia 18, a Seict vai promover um encontro técnico com os empresários peruanos com a participação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o Instituto de Defesa Animal e Florestal (Idaf) e órgãos afins, para debater as providências aduaneiras para importação do pescado.

O Estado também participará de um dia de campo que será realizado com empresários peruanos produtores de Truta Salmonada, na Fazenda Mariana, na BR-364, durante a manhã do dia 19. O encontro encerra com uma visita à Indústria Nutrak, no Parque Industrial de Rio Branco.

Diferenças entre salmão e truta salmonada

Ambos os peixes são muito ricos em proteínas e outros nutrientes, tais como ômega 3 e vitamina B12. A truta salmonada tem uma cor mais intensa do que o salmão, graças ao chamado processo de “salmonização”. Esse processo passa pela ingestão de um pigmento, que existe naturalmente nos peixes, ou é fornecido por suplemento alimentar.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Neste artigo

plugins premium WordPress