em

Ponte entre Brasileia e Epitaciolândia é reformada

A obra de revitalização da ponte que liga Brasileia a Epitaciolândia foi iniciada na segunda-feira, 25. Durante visita à região na sexta-feira, 22, o governador Gladson Cameli anunciou o início dos trabalhos e se comprometeu em buscar recursos para a construção de uma nova ponte entre as duas cidades.

Este trabalho emergencial inclui um amplo reparo com a troca do assoalho e a pavimentação asfáltica da pista. A manutenção está sendo realizada no período noturno para não prejudicar o trânsito. A previsão é de que a revitalização seja concluída em quinze dias, porém o andamento depende das condições climáticas. Na parte mais crítica, localizada na cabeceira da ponte do lado de Epitaciolândia, o reparo já foi feito.

Os recursos para execução da obra são provenientes de contrato de revitalização da BR-317 entre governo do Estado e governo Federal.

A Secretaria de Infraestrutura e de Desenvolvimento Urbano está  em busca de parceria para fazer o trabalho de revitalização completo e aumentar a vida útil da ponte até que duas novas pontes sejam construídas. Quando as novas estruturas estiverem prontas, a ponte atual será utilizada para a travessia de pedestre e ciclista.

“O governador assumiu o compromisso e nós já iniciamos o trabalho de revitalização da ponte”, destacou o secretário de Infraestrutura e de Desenvolvimento Urbano Thiago Caetano.

Durante a primeira visita do governador ao Alto Acre, ele anunciou que serão investidos R$ 360 milhões em obras de infraestrutura. A maior parte deste montante será destinada para a restauração completa da BR-317. Todo o trecho da rodovia federal que compreende entre a divisa do Acre com o Amazonas até a fronteira com o Peru, em Assis Brasil, receberá R$ 300 milhões em obras pelos próximos cinco anos.

Em relação à construção da nova ponte, será elaborado um projeto que contempla a estrutura de mão dupla que deve ser construída ao lado da ponte.

“Não posso aceitar que esta ponte de apenas uma mão continue sendo a única ligação entre Brasileia e Epitaciolândia. Da minha parte, vou continuar indo à Brasília atrás da liberação da verba e só vou parar no dia em que receber a confirmação que a nova ponte sair do papel”, enfatizou Gladson durante a agenda.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Publicado porDa Redação

Indústria do Acre está quebrada? Peixes da Amazônia opera no vermelho

Jovem usa sapato com cobra venenosa dentro e o fim é surpreendente