fbpx

O presidente do PSDB, deputado Luiz Gonzaga, foto, ligou ontem ao BLOG para negar informações correntes nos corredores palacianos de que o presidente da Fundação de Cultura, professor Minoru Kinpara (PSDB), retirou a sua candidatura a prefeito. “Nós temos a garantia do governador Gladson de que ele pode trabalhar a sua candidatura a prefeito de Rio Branco”, disse Gonzaga. Cita para reforçar como argumento para a candidatura, Minoru ter aparecido bem na última pesquisa para a PMRB.

Na verdade, Gonzaga e o PSDB jogam com a possibilidade da candidatura de Alysson Bestene não decolar e o Minoru ser chamado para ser o candidato a prefeito do grupo de Gladson Cameli. A declaração do Gonzaga foi como jogar gasolina para apagar o fogo. Quando o grupo que apoia a candidatura de Alysson Bestene anunciou a unidade do governador Gladson e da cúpula governista, a fala do tucano racha o governo. Um mesmo grupo não pode ter dois candidatos disputando o mesmo espaço. Isso fere a lógica. Esse é um assunto que o Alysson terá que resolver: ou tem o governo unido em torno da sua candidatura, ou não tem. Dois corpos não ocupam o mesmo espaço, diz a Lei da Física.

A oposição deve se sentir agradecida com essa disputa interna entre PP e PSDB no governo. Virou saco de gatos.

NINGUÉM TEM A OUSADIA

Duvido que algum integrante do grupo do prefeito Tião Bocalom tenha a ousadia de dizer que também é candidato. Perde o cargo na mesma hora. O mesmo se aplica ao MDB, que não admite mais de um nome disputando a candidatura com Marcus Alexandre.

COISA DE AMADOR

Com dois candidatos a prefeito de Rio Branco postos dentro do governo vai causar um confronto por espaços, cada um querendo amarrar mais apoio que o outro. É como diz o velho ditado que ou se mata o lobo ou é comido por ele. O governo terá de resolver logo a situação, ou vai virar confusão.

DUAS TRINCHEIRAS

A candidatura do Minoru Kinpara (PSDB) a prefeito de Rio Branco tem dois órgãos do governo trabalhando a seu favor: A FEM, comandada pelo próprio Minoru; e o IMAC, pelo André Hassem. Assim o boi não dança, Alysson Bestene.

FOGO AMIGO

Há um fogo de monturo contra a candidatura ao governo da vice-governadora Mailza Assis, com a fumaça vindo da Assembléia Legislativa. Será que ela ainda não sentiu esse cheirinho de queimado?

É OUTRA COISA

Há vários mandatos que a deputada Antônia Sales (MDB) é a voz mais ativa na defesa dos pleitos do Juruá. Se não é atendida, é por politicagem e por não ter a caneta das decisões.

NINGUÉM MELHOR

Dentro da bancada federal do Acre, ninguém divulga melhor o seu mandato do que o senador Alan Rick (UB). A cada pauta positiva produzida, joga nos órgãos de comunicação. Não adianta destinar emendas parlamentares para obras e não divulgar. Quem não comunica, se trumbica, já dizia o Chacrinha.

TEMPLO DOS AMORES

O Palácio Rio Branco – não é demais dizer – transformou-se num templo de novos amores e paixões ardentes. O amor é lindo! O cupido que o diga….

PASSO DADO

Essa, eu ouvi de uma das figuras mais importantes do MDB: “A aliança PP-MDB, em Brasiléia, seria um primeiro passo para uma aliança em 2026”.

DISCUSSÕES DEMOCRÁTICAS

O presidente do MDB, Flaviano Melo, está entusiasmado com a aceitação do nome do Marcus Alexandre (MDB), nas reuniões que o partido promoveu nos bairros para discutir a eleição para a PMRB. Onde anda é bem recebido, diz Flaviano.

LER EVITA HERESIAS

Numa manifestação numa rede social vi manifestantes com a bandeira de Israel e frases contra o aborto. Leiam, por favor, leiam! Em Israel, o aborto é liberado. Ou não sabem disso?

QUEM É O PSDB?

O PSDB só tem hoje um deputado estadual, Luiz Gonzaga, que assim mesmo se elegeu graças ao esforço pessoal. Não tem um prefeito. Um deputado federal. Como é que quer posar de protagonista em 2024?

COISAS DISTINTAS

O ex-senador Jorge Viana (PT) é um político egocêntrico, é ele e mais ninguém. Isso é verdade. Mas não se pode tirar o mérito de ter sido um dos nossos melhores governadores e prefeitos da capital. São dois fatos distintos na sua carreira política.

CEDO PARA COBRAR

É cedo para cobranças, mal assumiu a cadeira de subsecretário de Esportes. Mas vai chegar um momento em que o ocupante do cargo, Ney Amorim, terá que mostrar trabalho. Está pegando a pasta de Esportes do zero, por isso precisa ser lhe dado um desconto.

PARCERIA POLÍTICA

Poderia fazer uma parceria política com o prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim, para com emendas parlamentares da deputada federal Meire Serafim (UB), recuperar o templo do futebol acreano, o estádio José de Melo. Forjar uma imagem de amigo dos Esportes é uma bela bandeira de campanha para ambos.

POLARIZAÇÃO

A disputa pela prefeitura de Senador Guiomard vai estar polarizada entre a prefeita Rosana Gomes (PP) e o Gilson da Funerária (PSD). Não há um nome alternativo que possa ameaçar a ambos.

FASE DA CONVERSA

A aliança entre o senador Sérgio Petecão (PSD) e o candidato Alysson Bestene (PP) ainda continua na fase da última conversa. Em termos práticos não avançou um milímetro.

SEXO DOS ANJOS

A sua conversa com a vice-governadora Mailza Assis lembra mais uma conversa sobre o sexo dos anjos. Ela não tem a caneta que nomeia.

FRASE MARCANTE

“Deus está sempre presente, chamado ou não”. Ditado latino.

Neste artigo

plugins premium WordPress