em

Agente penitenciário comete suicídio dentro de presídio

Um agente penitenciário identificado por Marcelo cometeu suicídio na tarde desta terça-feira, 12, no Pavilhão A, do presídio Drº Francisco D’Oliveira Conde, em Rio Branco. De acordo com informações extraoficiais, o servidor teria atirado contra o seu próprio rosto, utilizando uma arma calibre 12.

O ex-presidente da Associação dos Agentes Penitenciários do Acre, José Janes Peteca, foi a última pessoa a conversar com o colega Marcelo Souza da Rocha Alves.

“Você está bem Marcelo?”, perguntou Janes. “Sim, estou”, respondeu Marcelo e seguiu rumo à guarita do presídio Francisco de Oliveira Conde (FOC) onde estava de plantão.

Janes estava com um grupo de colegas. Logo ouviram a explosão e deduziram: o Marcelo se matou.

“Marcelo me procurou há uns dois meses achando que eu poderia suspender sua transferência para a FOC. Ele me disse que não tinha condições psicológicas para atuar ali, pois estava se recuperando de problemas com álcool e drogas”, comenta Janes.

Marcelo era lotado na Unidade Penitenciária 4 (UP-4), também chamada de Papudinha onde são mantidos presos de nível superior e de regime semiaberto. A UP4 é considerada um posto de trabalho light em relação à FOC onde estão as facções e bandidos de alta periculosidade. Com sua transferência para a FOC, Janes ouviu repetidas queixas de Marcelo bem como de vários outros colegas nas mesmas condições.

Publicado porDa Redação

Criança de 6 anos aplica facada em irmão de 8 anos; veja o motivo

Monstro marinho captura em vídeo? Movimento estranho nas águas do Rio Crôa assusta moradores