fbpx



Produção ultrapassada faz farinha do Juruá perder mercado para Sul do País

O deputado Luiz Gonzaga  disse nesta quarta-feira (9) que está preocupado com a comercialização da farinha do Vale do Juruá. “Estamos perdendo mercado para o Paraná, que é industrializada e produzida por um custo menor”, disse. 

No Acre, a farinha chegou a custar R$250 e está em R$150 com tendência de cair ainda mais  e já chegou ao Amazonas. “O governo precisa agir”, afirma.  

A solução é instalar casas de farinha automatizadas, conforme está sendo feito na comunidade Pentecostes, em Mâncio Lima. Com ela, o produtor trabalha apenas oito horas ao dia, produz mais e  a um custo menor.  

Para concorrer com o Paraná, Gonzaga diz que  é necessário o Estado intervir. Com menor número de trabalhadores se produz mais.  

Ele apresentou imagens da casa de farinha no Pentecostes e solicitou à Suframa, Sudam, bancada federal apoio ao projeto.  

 

Neste artigo