fbpx



O governo do Acre, por meio da Secretaria de Assistência Social, dos Direitos Humanos e Políticas para as Mulheres (SEASDHM), em parceria com a Unidade de Saúde Francisco Roney Meireles, levou nesta terça-feira, 14, a campanha de vacinação contra a Covid-19 para a Chácara Aliança, abrigo de imigrantes na capital.

Atualmente, a chácara abriga 48 imigrantes, todos venezuelanos, num ambiente com 21 alojamentos e que fornece três refeições por dia, além de material de higiene pessoal, banheiros e uma cozinha comunitária.

Presente no abrigo, falando português e ajudando os colegas a se comunicarem com todos os profissionais da assistência social e de saúde, o venezuelano Tomás Velasquez foi um dos mais animados em tomar a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

“Estando vacinado eu não tenho tanto risco de ter algo grave com o negócio do vírus, né? Agora viajo mais tranquilo pro meu destino, todos os meus amigos estão se vacinando também e tá tudo certo”, conta o migrante.

A Unidade Francisco Roney Meireles também levou testes rápidos de Covid-19, HIV, sífilis e hepatites, além de ser uma parceira nos atendimentos básicos de saúde necessários para as pessoas do abrigo.

 

Neste artigo