fbpx



Preso é encontrado morto em cela do presídio do Quinari     

Um detento  identificado como Waldecir Silva do Carmo foi encontrado morto nesta segunda-feira (7) em uma das celas do presídio de Senador Guiomard. 

Ele teria sido morto por um colega de cela. Segundo nota do Iapen, o preso diz que arrastou Waldecir Silva do Carmo de cima da cama e o enforcou com um lençol.  

 

Veja a nota: 

 

O Governo do Estado do Acre, por meio do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), vem a público informar que: 

 

  1. Por volta das 13h40 desta segunda-feira, 7, a Unidade Penitenciária do Quinari, localizada no município de Senador Guiomard, registrou o falecimento do detentoWaldecir Silva do Carmo que se encontrava em isolamento cautelar por desobediência juntamente com outro preso na cela 217 da ala 22; 
  2. Ao verificar o ocorrido, os policiais penais de plantão indagaram o segundo detento sobre o que havia acontecido. Este informou que arrastou WaldecirSilva do Carmo de cima da cama e que com um lençol provocou o enforcamento da vítima. 
  3. Uma equipe do Instituto Médico Legal esteve no local para a realização de perícia e procedimentos de praxe.
  4. Diante dos fatos, oIapeninformou a família de Waldecir Silva do Carmo sobre o ocorrido e prestará todo o amparo estabelecido em lei. Também se solidariza, manifestando o mais profundo pesar pela perda repentina, desejando que Deus conforte os familiares e amigos neste momento de dor. 
  5. OIapendestaca que, de acordo com o Observatório de Análise Criminal do Núcleo de Apoio Técnico do Ministério Público do Acre, há 190 dias não se registrava morte no Sistema Prisional do Acre. 
  6. OIapeninforma que a Unidade Penitenciária do Quinari funciona dentro da capacidade, não havendo lotação, e que acompanhará toda a investigação necessária para a devida elucidação do crime. 

Rio Branco – Acre, 7 de junho de 2021. 

 

 

 

 

 

 

Neste artigo